IMPLANTES DENTÁRIOS

IMPLANTES DENTÁRIOS

O QUE É IMPLANTE DENTÁRIO?
Implante dentário é um parafuso de titânio que é introduzido cirurgicamente no ossos maxilares (maxila e/ou mandíbula) no lugar onde havia a raiz de um dente que foi perdido. Sobre este implante é feita uma prótese depois de 3 a 6 meses da cirurgia, que substituirá o dente perdido. Em alguns casos, o dente pode ser colocado sobre o implante no momento da cirurgia, o que denomina-se “carga imediata”.

HÁ RISCO DO MEU ORGANISMO REJEITAR UM IMPLANTE?
Atualmente, o índice de sucesso dos implantes dentários é de 98%. A perda de implantes está relacionada com vários fatores que vão desde a técnica cirúrgica inadequada utilizada por profissionais não capacitados, passando por não cumprimento das orientações pós-operatórias pelo paciente e até mesmo a rejeição de “corpo estranho” pelo organismo ao implante, sendo esta última de difícil ocorrência.

O IMPLANTE PODE SUBSTITUIR A PERDA DE VÁRIOS DENTES?
Sim. Além de poder substituir apenas um dente, o tratamento com implantes pode ser feito para pacientes que perderam vários ou até mesmo todos os dentes, substituindo-os por implantes e ponte fixa sobre estes, não havendo necessidade de desgaste dos dentes sadios para a confecção da prótese.

É POSSÍVEL COLOCAR IMPLANTE EM PESSOAS QUE PERDERAM OS DENTES HÁ BASTANTE TEMPO?
Sim. Para a cirurgia de implantes, o profissional necessita de radiografias pré- operatórias que indicarão a possibilidade ou não de colocar implantes. Existem casos em que a perda do dente resulta em reabsorção do osso da maxila e/ou mandíbula e, para a colocação de implantes, é necessário uma cirurgia para recuperar este osso perdido. A este procedimento damos o nome de enxerto ósseo. Após 6 meses, faz-se a cirurgia de implante. Entretanto, quanto mais curto for o intervalo entre a perda ou extração de um dente e a colocação do implante, melhor.

implantes2 implantes1